Mundo de iguais.

"Por que você repara no cisco que está no olho do seu irmão, e não se dá conta da viga que está em seu próprio olho?" Mateus 7.3


Ao olhar para seu irmão, se não o vê com compaixão, é porque você não se ocupa suficientemente consigo mesmo, e, portanto, você não se conhece.


Somente por isso lhe sobra tempo e energia para perceber-lhe as falhas.


Não há como ter compaixão pelo teu próximo se habitas na narcísica "montanha" de tua própria auto-imagem.


Precisas visitar mais a "caverna" de teu próprio ser, e, de lá, voltar certo de que tua vida é como qualquer outra: um generoso presente do amor gratuito do Pai.


Pastor Marcos Amaral

Igreja Presbiteriana de Jacarepaguá

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo